coisas que me passam pela cabeça, e outras que vão ficando

[ textos recentes

[ Ronaldo é apresentado hoj...

[ O homem que não existe

[ Sábios conselhos

[ Coisas úteis (?) que se a...

[ We Go ou Nós Vamos?

[ Eusébio no Panteão não. P...

[ Viva la vida loca aos 80!

[ Não tenho dinheiro para u...

[ A senhora engorda e volta...

[ Al Capone era Tuga

[ arquivos

[ Julho 2018

[ Março 2016

[ Agosto 2015

[ Junho 2015

[ Março 2015

[ Março 2014

[ Março 2013

[ Fevereiro 2013

[ Julho 2012

[ Maio 2012

[ Outubro 2011

[ Agosto 2011

[ Junho 2011

[ Abril 2011

[ Janeiro 2011

[ Novembro 2010

[ Outubro 2010

[ Setembro 2010

[ Agosto 2010

[ Junho 2010

[ Maio 2010

[ Março 2010

[ Janeiro 2010

[ Dezembro 2009

[ Novembro 2009

[ Outubro 2009

[ Julho 2009

[ Junho 2009

[ Maio 2009

[ Abril 2009

[ Março 2009

[ Fevereiro 2009

[ Janeiro 2009

[ Dezembro 2008

[ Novembro 2008

[ Outubro 2008

[ Setembro 2008

[ Agosto 2008

[ Julho 2008

[ Junho 2008

[ Maio 2008

[ Abril 2008

[ Março 2008

[ Fevereiro 2008

[ Janeiro 2008

[ Dezembro 2007

[ Novembro 2007

[ Outubro 2007

[ Setembro 2007

[ Agosto 2007

[ Julho 2007

[ Junho 2007

[ Maio 2007

[ Abril 2007

[ Março 2007

[ Fevereiro 2007

[ tags

[ todas as tags

Segunda-feira, 12 de Março de 2007

"Reestruturação temporária"...

Ouvi há pouco no noticiário este disparate: "é uma reestruturação temporária". Foi dita pelo administrador do Pólo de Beja (?) da universiadade Moderna. Pelos vistos um professor pôs a boca no trombone sobre coisas que lá se passam. Boas ou más? Não sei, mas o próprio administrador disse que eram descontentamentos com o processo em curso, ou algo assim. Mas, às tantas, disse mesmo (eu vi e ouvi!) que o processo era uma "reestruturação temporária".

O que é uma reestruturação temporária? O que é temporário está limitado no tempo. Uma reestruturação é uma alteração profunda da estrutura de algo. Então para quê mudar profundamente algo durante pouco tempo? Porque se se muda por pouco tempo é para depois voltar ao anterior, ou para mudar para algo ainda mais diferente.

Parece-me que ou o senhor administrador não sabe o que diz, levando a que nos questionemos se sabe o que faz; ou não disse o que queria dizer mas tendo dito não o pode mudar, quer queira quer não; ou estava simplesmente nervoso e atrapalhou-se na presença das câmaras e dos microfones. Seja qual for a razão, o que está dito é disparate e é por ele que fica, para já, julgada a pessoa e, por extensão, a instituição que serve.

publicado por coisas minhas às 22:12
link do post | comentar | favorito

[ quem sou

[ pesquisar

 

[ Julho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

[ links